Alerta: Credit Suisse recomenda cautela para empresas imobiliárias do Brasil

Apesar de a tendência de longo prazo continuar positiva para as empresas do setor imobiliário do Brasil, o Credit Suisse Group recomenda cautela para o investidor no curto prazo. "Os valores parecem atraentes, mas a falta de visibilidade sobre as finanças leva a uma visão cautelosa sobre o setor no curto prazo", escreveram analistas do Credit Suisse em uma nota a clientes.
"Nós esperamos turbulência no curto prazo em razão de revisões nos lucros e geração de caixa decepcionante no primeiro semestre de 2012", disseram. "No entanto, os fundamentos de longo prazo não mudaram recentemente e ainda há atores privados lucrativos e algumas companhias públicas atraentes", acrescentou o Credit Suisse.

Leia mais

Comentários