Mais Imposto. Câmara de SP aprova aumento de IPTU para imóveis ociosos

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta quarta-feira, 23, projeto do prefeito Fernando Haddad (PT) que aumentará o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2016 para terrenos ociosos. A medida vale para áreas a partir de 500 m² e atinge 79 mil propriedades da cidade, o que corresponde a 2% do total. 

A expectativa é de que a medida crie um caixa extra de até R$ 150 milhões para a Prefeitura. A aprovação ocorreu após as discussões e negociações do texto invadirem a madrugada.

Comentários