ATLÂNTIDA. Cidade submarina projetada no Japão pode abrigar 5 mil moradores

Uma empresa de construção japonesa diz que, no futuro, os seres humanos podem viver em grandes complexos habitacionais submarinos. Pelo projeto, cerca de 5 mil pessoas poderiam viver e trabalhar em modernas versões da cidade perdida da Atlântida.

As construções teriam hotéis, espaços residenciais e conjuntos comerciais, informou o site Busines Insider.

A grande globo que flutua na superfície do mar, mas pode ser submerso em mau tempo, seria o centro de uma estrutura espiral gigantesca que mergulha a profundidades de até 4 mil metros.

Leia mais aqui

Comentários