Seu Direito : Prédio público de R$ 2,3 mi será demolido sem nunca ter sido usado.


Um prédio público que custou R$ 2,3 milhões terá que ser demolido sem nunca ter sido usado em São Sebastião, litoral norte paulista.

A construção, planejada como um centro de convenções de 1.200 m², com salas, auditório de 430 lugares, lanchonete e 120 vagas de estacionamento, chegou a ser inaugurada há cinco anos pelo então prefeito Juan Pons Garcia (ex-PPS, hoje no PMDB). Mas, inacabada, nunca foi aberta.

A demolição foi determinada após acordo entre prefeitura e Promotoria, que apontou falhas estruturais e rachaduras que geram risco de desmoronamento, corte irregular de morro e construção acima da área permitida.
 
Saiba mais

Comentários