Urbanidade : Prostitutas abrem guerra contra avanço imobiliário que ameça " inferninhos".

O último que sair do Baixo Augusta apaga a luz vermelha. O trecho da rua que vai da rua Peixoto Gomide à praça Roosevelt está a cada dia mais santinho.
 
Há dez anos, a polícia contabilizava 22 casas, entre "american bars", "boites de nuit" e "relax clubs". Em uma década, a sacanagem caiu 73% e o número de estabelecimentos no logradouro chega hoje a seis.
 
Entenda aqui

Comentários