Mercado : Construtora dá calote em clientes que pagaram até R$ 200 mil por apartamento

Um lote vago com mato alto é tudo que existe no terreno onde deveria ser entregue um prédio com 96 apartamentos no bairro Castelo, região da Pampulha, em BH. Ao invés das chaves neste mês, os moradores receberam um calote da construtora, e agora tentam reverter o prejuízo na Justiça.

O advogado Gustavo Prado comprou o imóvel na planta em 2009. — Eu já paguei 60 prestações desde agosto de 2009, antecipei inclusive um ano para pagar sem juros. Bruno Medeiros, funcionário público, gastou R$ 130 mil ...

Leia
mais

Comentários