Copa 2014: Já tem casa custando R$ 80mil por mês

Para os corretores de verdade, no entanto, ainda é cedo para pensar em fechar negócios. Mesmo que os valores cobrados sejam em moeda estrangeira, dólar ou euro, o risco é grande. Afinal, em momento de crise da moeda europeia, ninguém sabe ao certo o que o futuro reserva.

É normal que proprietários de imóveis que não conhecem esse mercado estejam se antecipando, já que eventos como a Copa oferecem oportunidades de mercado como essa mesmo — defende Jean Carvalho, gerente de locações da Apsa. — Mas acredito que, até o fim do ano que vem, esses preços ainda terão força para crescer: afinal, a gente não sabe ao certo quantas vagas de hotéis surgirão até lá.


Mesmo sem qualquer certeza em relação ao aluguel de seu imóvel durante a Copa, o PM Wanderson Damasceno já tem planos para a renda extra, caso ela venha. Além de dar uma parte do aluguel à sogra — na casa de quem deve se hospedar durante a Copa —, com os R$ 80 mil, ele pretende comprar um apartamento menor para alugar e, com isso, garantir uma renda extra fixa.


Leia mais

Comentários