Negócios: Safra compra parte de ícone imobiliário americano

O prédio da montadora General Motors em Manhattan, nos Estados Unidos, um dos edifícios corporativos mais valiosos do país, aumentou ainda mais seu valor de mercado após um membro da família brasileira Safra e uma família chinesa terem adquirido uma participação de 40% no empreendimento.
 
Segundo o "The Wall Street Journal", a compra da fatia elevou em 20% o valor do edifício, para cerca de US$ 3,4 bilhões. A transação foi estimada em cerca de US$ 700 milhões.
 
De acordo com o jornal, a aquisição foi feita por meio de uma parceria entre uma empresa do magnata brasileiro Moise Safra e a família do empresário chinês Zhang Xin, presidente-executivo da Soho China, do ramo imobiliário.
 
Leia mais

Comentários