Tendências: No mercado imobiliário, a vez da periferia

O mercado imobiliário paulistano está se estendendo cada vez mais para fora do centro expandido. Enquanto na década passada o boom do crescimento foram os bairros centrais que estavam subvalorizados, como Pinheiros e Barra Funda, agora a tendência de crescimento está nos bairros mais afastados, já nas bordas do município. Os atuais líderes de crescimento são Cidade Ademar, na zona sul, e São Miguel Paulista e Penha, na zona leste.
Os dados fazem parte de levantamento da empresa Criactive, especializada em pesquisas na área de construção civil e infraestrutura. Eles mostram que a Penha, na divisa com Guarulhos, viu um crescimento de mais de 1.000% em obras imobiliárias nos últimos quatro anos. Dos novos bairros queridinhos pelo mercado imobiliário, a Penha chama a atenção por já estar rivalizando em números absolutos com os mais tradicionais. Atualmente, 189 mil m² de novos apartamentos estão em obras, menos apenas que Itaim Bibi, Pinheiros e Morumbi.

Comentários