Urbanidades: Vivendo em uma casa de 8m2

A ideia de que “menos é mais” chegou ao setor imobiliário americano e tem levado pessoas a morarem em residências minúsculas, com espaço a partir de seis metros quadrados de área útil. O movimento das casas pequenas teve início no final dos anos 90, mas ganhou força após a crise de 2008.

De acordo com o sites especializados, essas pequenas proporções são uma tendência crescente nas grandes cidades, devido à falta de espaço para o elevado número da população.

Saiba mais e veja vídeo abaixo

Comentários