Mercado : E as salas comerciais se tornaram um mal investimento

Os Investidores devem ficar atentos e tomar cuidado se pretendem obter uma renda com aluguel ao investir em salas comerciais sobretudo em metropoles como São Paulo. A revista Exame ouviu alguns especialistas e descobriu que muitas das salinhas comerciais lançadas recentemente podem estar caras e não sustentar os preços dos aluguéis estimados por muito tempo.

Lançados em bairros sem tradição corporativa, esses empreendimentos começam a ser entregues a partir da segunda metade deste ano e podem sofrer com um excesso de oferta, conjugado com um cenário econômico que já não ajuda.
Belém começa a viver um problema parecido. Tem empreendimento comercial entregue, cujos proprietários/investidores não conseguem a remureção que esperavam. Baixam os preços e mesmo assim o aluguel não sai. Uma realidade que deve ficar ainda mais difícel uma vez que só o bairro do Umarizal tem duas torres corporativas em fase de acabamento e outras em construção.

Não é que o mercado não precise das salas, mas as distorções de valores atropelaram quem sonhava com a galinha dos ovos de ouro.

Leia mais

Comentários