Urbanidades : Cidade sai da pobreza para ser Ícone de energia sustentável

A localidade austríaca de Gussing passou em menos de 20 anos de lugar esquecido, cujos habitantes tinham de escolher entre a emigração e o desemprego, para um ícone bem-sucedido da "revolução verde" na Europa.

Gussing, um povoado de 4 mil habitantes, é o único município na União Europeia (UE) que reduziu desde 1995 suas emissões de gases de efeito estufa em mais de 95%, mudança que ajudou a atrair investimentos, empregos fixos, trabalhadores de alta qualificação e cerca de 30 mil ecoturistas por ano.

É único município da Europa que, desde 2005, gera mais energia renovável do que precisa. Vendendo o excedente, lucra cerca de 4 milhões de euros anuais em receita para os cofres municipais.

A transformação é ainda mais chamativa se for levado em conta que Gussing era até 1992 um dos municípios mais pobres da região mais atrasada da Áustria, Burgenland.

Com um saldo demográfico devastador, a população estava diminuindo porque ...

Leia
mais

Comentários