Mercado: Casais gays ganham mais crédito imobiliário.

Casais gays já podem financiar sua casa própria. Diante da necessidade de adaptar o sistema ao perfil dos públicos atuais, o Banco do Brasil passou a conceder o crédito imobiliário através de confirmação da união homoafetiva por declaração por escrito. Outros bancos, como Caixa Econômica Federal, Itaú-Unibanco e Santander, já aproveitavam o filão permitindo a composição de renda entre amigos, parentes e casais, sejam hetero ou homossexuais. No BB, os parceiros também podem entrar num consórcio imobiliário.
Executivos do Banco do Brasil esperam que a medida, a médio prazo, gere um aumento entre 5% e 10% na quantidade de mutuários. Mas a expectativa é de que o aumento seja maior a longo prazo. O BB informa que a medida está sendo implementada somente agora porque os investimentos da instituição na área habitacional são recentes – começaram depois da aquisição do banco Nossa Caixa, há três anos.

Leia mais

Comentários

suelen disse…
Interessante esse artigo, pois eles precisam de um lar como todos, e com as mesmas facilidades.