Venda de imóveis no país despenca no 1º semestre


Algumas das maiores construtoras do país venderam menos imóveis novos no primeiro semestre deste ano que no mesmo período de 2010, informa reportagem de Folha de S. Paulo referindo-se aos balanços das empresas divulgados nesta semana

Rossi , Gafisa, Cyrela e MRV encabeçam a lista. A queda não é mais grave porque o aumento do preço dos imóveis em muitas regiões compensa o resultado financeiro mas fez acender o sinal amarelo na empresas e na bolsa. Pode ser um  sinal de que a explosão imobiliária perdeu ritmo. 

Leia mais




Comentários

Fabricio disse…
Realmente essa queda é perceptível.
O volume de negócios diminuiu bastante neste semestre.
Mas ainda, com boas opções de imóveis e boas condições de pagamento é possível realizar excelentes negócios.
Fazer um financiamento de imóvel está 4,9% mais carom desde o início do ano. Além disso, os valores de imóveis estão crescendo acima da inflação. Isso pode estar ajudando a diminuir os níveis de compra. Como explicado na matéria http://www.consorciodeimoveis.com.br/noticia/id/300891/Financiar-est%C3%A1-mais-caro:-juros-aumentou-49-em-seis-meses.