O Subprime brasileiro vem aí ?

Pode ser que não a replique completamente, mas a Caixa Econômica Federal está gerando a semente daquilo que, no futuro pode ser o nosso subprime - o efeito cascata que nos Estado Unidos gerou a crise global de 2008. Dona de R$ 118 bilhões de ativos em contratos imobiliários, ela se prepara para vender ao FGTS 40 mil contratos de sua carteira por R$ 2 bilhões para refinanciar novos imóveis.
A possibilidade de refinanciar contratos existe desde 2008. Mas exatamente pela repercussão da crise global, a Caixa nunca fez operação de recebíveis. Mas este ano, quando os recursos captados pela poupança não serão suficientes para suas exigências, o banco voltou a desenhar a operação.
O preocupante da iniciativa são as condições do mercado imobiliário brasileiro, onde os preços estão acima da curva de custo. E é certo que, após a Caixa, outros bancos com carteiras menores também transformem seus contratos em recebíveis gerando mais recursos.

Comentários