Decoração: A hora e a vez da classe C

Como aconteceu no universo da moda, quando os fashionistas passaram a criar coleções para lojas populares, agora nasce o fast design. Arquitetos conhecidos por projetos luxuosos da Casa Cor fecham parcerias com magazines.

É o caso de Marcelo Rosenbaum, que assina neste mês um guia de decoração para as Pernambucanas, rede com 272 lojas no País. Em 27 páginas, ele dá ideias de ambientes com objetos da loja, sempre destacando o útil e o acessível.



O escritório do arquiteto desenvolveu móveis e acessórios para a classe C. A linha Pindorama de toalhas de mesa de plástico, um clássico do churrasco de domingo, ganhou estampas descoladas. O metro custa R$ 7. Inspirado nas sementes brasileiras, um aparelho de jantar com 20 peças sai por R$ 225.


Leia mais

Comentários