Um edifício nas nuvens - É o mercado de luxo na Índia

O prédio de 27 anos do bilionário Mukesh Ambani chamou atenção para a nova onda de design e arquitetura da Índia. Agora, um projeto vai se transformar no novo marco do país: o condomínio Atmosphere, em Calcutá, com apartamentos a custo equivalente a US$ 1,2 milhão terá até uma “nuvem” estacionada no topo.
O condomínio será formado por duas torres interligadas por uma plataforma, batizada de “Deya” – que significa “nuvem” em Bengali. A plataforma está situada a 153 metros de altura em uma estrutura que se estenderá por mais de 98 metros de largura e sua superfície contará com 15 mil discos cinéticos que lhe darão um brilho constante.
Deya terá espaço para um clube, que deverá se tornar um dos mais caros da Índia. Ali, os sócios e residentes do condomínio contarão com várias piscinas, uma academia, SPA, quadras de squash e de badminton, uma pista de corrida, mini cinema, um anfiteatro e um deck a céu aberto.

Fonte : Época Negócios

Comentários