Fipe e Zap se antecipam a índices oficiais e medem aumentos imobiliários

O setor imobiliário passa a contar com um novo índice de dados que irá auxiliar compradores e vendedores a tomar as melhores decisões de negócios. O Índice FipeZap de Preços de Imóveis Anunciados mostrará mensalmente diversas informações relativas a imóveis nas principais praças do Brasil. Disponível nos municípios de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife e Salvador e o Distrito Federal, o levantamento dispõe dos preços do metro quadrado por região, custo por número de dormitório e taxa de aluguel.
 
Nos últimos três anos, os municípios de São Paulo e Rio de Janeiro registraram variação média de preços anunciados de 79% e 95%, respectivamente. No acumulado de 12 meses, São Paulo teve variação de 24% enquanto no Rio de Janeiro a alta foi de 40% e Belo Horizonte a diferença chegou a 17%.

Desde janeiro de 2008, em São Paulo, os apartamentos com 1 e 2 dormitórios apresentaram variação de 88%, os de 3 dormitórios apresentaram alta de 72% enquanto os de 4 ou mais dormitórios variaram 56%. No Rio de Janeiro, esses números são, respectivamente, 105%, 95%, 91% e 75%.

Além destas informações, é possível avaliar as variações de preços de alugueis e até mesmo os valores do metro quadrado por capitais. Em janeiro de 2011, o m² em Brasília teve cotação média de R$ 7.004, enquanto em São Paulo, o valor fechou o mês a R$ 4.858.

Comentários