Cresce empréstimo com garantia de imóvel


A Caixa Econômica Federal emprestou, em 2010, mais de R$ 317 milhões por meio do Crédito Aporte Caixa, linha de crédito pessoal que aceita imóvel como garantia.

O valor representa um crescimento de quase 400% sobre o total emprestado em 2009. Pagamento em até 120 meses, e a contratação pode chegar a até 70% do valor do imóvel.

Não há valor máximo para a transação. O modelo é normal e funcional, mas nunca é demais lembrar que os excessos nessa modalidade acabaram levando a crise dos americanos em 2008. A concorrência predatória e os preços irreais dos imóveis acabaram fazendo os bandos darem muito mais do que valiam os imóveis e o mercaco quebrou. 

Fonte: Valor Econômico

Comentários