Apartamento de um quarto é tendência no mercado

Seguindo as mudanças na sociedade, os imóveis que não têm divisória ou com apenas um quarto vêm ganhando espaço na preferência dos consumidores nas grandes cidades brasileiras. E a perspectiva é de ampliar essa participação.

Os dados sobre a maior dessas metrópoles, a capital paulista, já mostram essa tendência.

Segundo o Secovi (Sindicato da Habitação) de São Paulo, a fatia das moradias de até um dormitório passou de 1,7% das vendas em todo o ano de 2007 para 9,7% em 2010, considerando os números até outubro.

O público inclui executivos, solteiros, recém-casados e aqueles que pretendem manter a família pequena.

Entre 1999 e 2009, de acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios do IBGE, houve uma ampliação na proporção de casais sem filhos, passando de 13,3% para 17,1% dos arranjos familiares no país.

Leia mais

Comentários