Eleição no Brasil não preocupa investidor estrangeiro

Diferente da eleição de 2002, desta vez, há pouco sinal de preocupação”, afirmou ao jornal “Financial Times” o chefe da área de investimento estratégico do HSBC Global Asset Management, Philip Poole.

Na última quinta-feira, 19, a Economist Intelligene Unit, empresa ligada à revista “The Economist”, publicou relatório no qual afirma que “é improvável que a eleição presidencial de 2010 cause instabilidade financeira”.
No mês passado, a instituição financeira Black Rock afirmou ao site “Investment Week” que o medo de alguns investidores em relação às eleições no Brasil é “infundado”.
Fonte : Estadão

Comentários