Mercado: Após recorde em 2011, Grande SP ganha menos escritórios em 2012




Após crescer por quatro anos seguidos e registrar recorde de lançamentos em 2011, o mercado de escritórios na Região Metropolitana de São Paulo encerrou 2012 com menor número de novos empreendimentos sobre o ano anterior, acompanhando um cenário já ocorrido um ano antes com os prédios residenciais, aponta projeção feita pela Empresa Brasileira de Estudos do Patrimônio (Embraesp) a pedido do portal G1.

A estimativa da empresa é que o tenha fechado ano com pouco mais de 50 lançamentos e 8 mil unidades, superando US$ 2,3 bilhões com as vendas dos empreendimentos lançados.

Em 2011, foram 60 lançamentos, totalizando 13.042 unidades, o maior número desde 1985, quando a Embraesp iniciou as pesquisas. O valor geral das vendas totalizou US$ 3,2 bilhões. Em 2012 até novembro, foram 46 lançamentos e 7.144 unidades, em um valor de US$ 1,8 bilhão.

Leia mais

Comentários