Olimpíadas: Pra não repitir as lições desastrosas do Canadá

O que acontece hoje com a vila dos atletas de Vancouver, no Canadá, sede dos jogos de inverno de 2010, é prova do que não deve acontecer.

Sucesso de público, audiência e medalhas para o país-sede, a herança deixada pelo evento não é das melhores. Um estudo divulgado pela Universidade de Alberta apontou problemas graves com a revenda dos apartamentos da vila dos atletas – um eco do que aconteceu com a vila dos Jogos Panamericanos do Rio de Janeiro, em 2007 e um alerta para a Olimpíada de 2016.

Pouco atraentes ao mercado, eles podem vir a representar um prejuízo de US$ 750 milhões (R$ 1,4 bilhão) à cidade. E nessa história há uma lição.

Leia mais

Comentários