Mercado : Aumentam os descontos, preços em queda

O clima de bolha, mesmo que ainda de forma tpimida segue tirando o sono do mercado brasileiro. Quando aumentam os descontos sobre preços anteriores, significa, na prática que, quem pagou antes, perdeu dinheiro.

O desconto para quem negociou um imóvel usado no mês de agosto deste ano chegou a 13,61%, segundo pesquisa de venda de imóveis realizada pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (Creci-SP). Dos cinco grupos de bairros analisados pela entidade, três apresentaram aumento nos abatimentos, um se manteve estável e outro registrou queda.
O maior desconto, de 13,61%, foi verificado em bairros com imóveis de maior valor, como Vila Nova Conceição, Jardim Paulista, Moema e Campo Belo (Zona A). Em julho, o recuo de preço na hora do pagamento do imóvel tinha sido de 6,75%.
Para bairros como Aclimação, Chácara Flora, Pompeia e Alto de Santana (Zona B), a redução média no valor da unidade foi de 9,34% em agosto, acima dos 8,22% do mês anterior. Em outros bairros, como é o caso de Belém, Casa Verde, Penha e Rio Pequeno (Zona D), o desconto também foi maior na comparação entre os meses, passando de 4,87% para 6,06%,
Leia
mais

Comentários