Mercado: Os preços seguirão subindo, segundo Ibope

Os preços de imóveis residenciais, tanto novos quanto usados, nas principais capitais do país não devem desacelerar no curto prazo, conforme estimativas do Ibope. Segundo levantamento do instituto de pesquisas, realizado a cada seis meses e divulgado nesta quarta-feira, o preço médio do metro quadrado de imóveis novos na cidade de São Paulo registrou crescimento de 85 por cento desde abril de 2009 até outubro deste ano. Se considerados os imóveis usados, o aumento foi de 62 por cento.
A capital paulista apurou o maior aumento de preços no período em comparação a Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife, demais capitais envolvidas no estudo, realizado desde 2009. Nos seis meses de abril a outubro deste ano, os preços de imóveis novos em São Paulo cresceram 14 por cento e, no caso de imóveis usados, subiram 11 por cento, para 6.019 reais e 4.979 reais o metro quadrado, respectivamente, em valores atuais.
Leia mais

Comentários