Vendas de novos em SP caem para o menor nível desde 2004

As comercializações de imóveis residenciais novos na cidade de São Paulo caíram 45% no primeiro mês do ano, em relação à janeiro do ano passado, segundo levantamento feito pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação).


Ao todo, foram comercializadas na capital paulista apenas 830 unidades residenciais em janeiro - o menor número desde 2004, quando o sindicato mudou a metodologia da pesquisa. Em janeiro do ano passado, foram vendidas 1.508 unidades.

Para o economista-chefe do Secovi-SP, Celso Petrucci, a forte queda é um fato pontual e ainda é cedo para traçar tendências. Considerando os lançamentos, eles cresceram 1,86%. Foram 601 unidades em janeiro contra 590 do mesmo mês do ano passado.

Leia mais

Comentários