R$ 8 milhões pelo Carrossel


A diretoria do Clube do Remo recusou a proposta feita pela Rede de Farmácias Big Ben pela área do Carrossel, na Almirante Barroso. Os R$ 8 milhões comprometeriam a negociação em andamento com a Leal Moreira/Agre, por todo o Baenão, que já teria um pré-acordo assinado nesse sentido.

Um diretor da Agre está em Belém para dar andamento ao negócio que depende do sinal verde da da Justiça Trabalhista. O negócio só sai se os compradores assumirem as dívidas ( muitas ) que travam o patrimônio remista.
Enquanto não forem julgadas todas as açõs e dadas ( e aceitas ) todas as sentenças, é quase impossivel de dizer o tamanho do buraco. Ou seja a dívida pode ser de R$ 6 milhões ou de R$ 60 milhões. Tudo é possível enquanto os termos do acerto com o TRT não forem fechados.

Comentários